quinta-feira, 12 de novembro de 2015

Adultos índigo e Cristal construindo 1 MMM

Adultos índigo e cristal:


Construindo 1 MMM ╰☆╮


Um Mundo Muito Melhor


Adultos índigo e cristal despertam da HEM*


Colocando a humanidade no rumo da era de paz.


Está acabando o controle mutante dissimulado:






 Finalmente, começa o despertar

Percebemos os falsos humanistas disfarçados no meio de nós manipulando e controlando!


Descubra o que não querem que você saiba:

Você pode evitar 99,99% das doenças

com sabedoria alimentar. Como cuidar da saúde?





Um poder será tanto maior quando menos for percebido. Durante muito tempo, os mutantes vem manipulando os humanos usando comandos e distorções na linguagem, paradoxos, desrespeitos como o repetir falsas premissas superadas e reabrir discussões já concluídas, etc.
Sendo humana, a pessoa decente - sem entender o que está acontecendo e lidar com alguém cujo funcionamento é diferente - não tem como enfrentar porque vai perder a paciência.  Ai, os safados invertem os valores! A vítima, é escorraçada porque se desestabilizou! E o bandido sai por cima...
A maioria da população não sabe como os psicopatas funcionam! Muitos, nem sabem da existência desses mutantes desumanos! Então, quem enfrenta esses sujeitos, sofre por falta de informações de como eles funcionam!
Descubra tudo o que esconderam de você:

Humanos versus desumanos-psicopatas, a luta pelo controle da civilização. Reconheça os manipuladores e seus engodos e se defenda das armadilhas

 


Como identificar a manipulação psicopata em grupos e comunicações: perigo dissimulado


 

HEM a Hipnose em Massa




Adultos índigos 1

Adultos índigo 

e Cristal: vamos salvar a Humanidade!

Povo unido jamais será vencido!
Venceremos os psicoPaTetas vendidos
que idolatram os psicoPaTas bandidos.
Todos os desumanos serão banidos!
Junte-se aos adultos índigo e cristal para salvarmos a humanidade do controle, dessa dissimulada escravidão psicoPaTa disfarçada em uma teia de leis e paradoxos!

  Os adultos índigos sentem e leem o campo energético das pessoas. Naturalmente, percebem as manifestações energéticas. Estes adultos querem mais do que tudo aprender a equilibrar a sua energia, assumir a sua missão e dons, aprender a como se desenvolver e evoluir, ajudando os que seguem nascendo, as crianças e jovens. 
  A frequência índigo está disponível a todos os seres humanos e pode ser acedida na medida em que a consciência expande-se. Quanto mais conscientes, mais aptos nós nos tornamos a perceber e aceder outros diferentes tipos de realidades que nem imaginávamos existir.
  Na medida em que mais e mais seres humanos índigos despertem, mais rápido se dará a nossa evolução, o nosso processo de ampliação da consciência. Com esta convivência estaremos a aproximar cada vez mais da quarta e quinta dimensão, já que a Terra é originalmente um planeta da terceira dimensão, devido às consciências predominantes.
  Abaixo, algumas características de adultos índigo e cristal para uma melhor compreensão da temática:
  • São muito inteligentes, apesar de não terem tido as melhores notas na escola e nem se preocuparem com isso.
  • Possuem aversão ou detestam os trabalhos repetitivos e rebelam-se contra tudo que é obrigatório, seja na escola ou na vida.
  • Muitos experimentaram uma depressão existencial cedo e sentimentos de impotência ao decorrer da sua infância e adolescência consequência da percepção inconsciente de não estarem (ainda) no rumo certo.
  • Muitos enfrentam dificuldade com empregos supervisionados: os adultos índigos resistem à autoridade e ao sistema hierárquico de trabalho.
  • Tem problemas com sistemas que percebem fadados ao fracasso ou ineficazes, exemplo: sistema financeiro, político, médico, educacional. São visceralmente impacientes com a estultice.
  • Sentem frustração ou rejeição do tradicional “sonho” de carreira, casamento, filhos.
  • Possuem um ardente desejo de fazer algo para mudar ou melhorar o mundo, porém podem demorar até reconhecer qual é a sua vocação para realizar esse desejo.
  • Desde muito novos tem interesses por assuntos espirituais e esotéricos.
  • Possuem forte intuição.
  • Tiveram experiências psíquicas desde as premonições, ao ouvir e ver desencarnados, ter experiências fora do corpo, etc.
  Os índigos hoje já adultos, especialmente aqueles os com idade acima dos trinta anos, chegaram ao Planeta numa época quando ainda havia poucos índigos por aqui e, portanto, a energia era mais densa. Os paradigmas eram outros e a consciência era ainda muito mais limitada.
 Os padrões eram mais rígidos e as mentes d e todos, dos pais aos professores, sobretudo os governantes, eram muito mais limitadas e limitantes.
  Estes adultos índigos encarnaram na Terra numa época em que a vida e a realidade eram totalmente enquadradas em "padrões" socialmente aceitos e tudo o que fosse diverso era discriminado ou ignorado.
  Quando as crianças eram extremamente sensíveis, isso lhes causou enormes dificuldades para adaptação. Eram crianças cuja essência apontava na direção de uma vida espiritual, uma vida guiada por valores mais elevados. Imagine o quão difícil é encarnar numa época e num contexto tão contrário à manifestação dos seus dons.
Adultos índigos 2
  A missão dos índigo e cristal na Terra está voltada para a produção de mudança, para a revisão de valores e paradigmas por onde passarem.
 Para a sua missão se concretizar vamos deixar os velhos hábitos e pensamentos para novos paradigmas possam ser estabelecidos.

  A unidade e o amor criam o espaço para se manifestar. Afinal...

O Amor é 
a força 
mais poderosa do Universo
╰☆╮(Alberto Einstein) https://t.co/H44picHB4z


  No processo de desenvolvimento os adultos índigo presenciaram um choque significativo entre as energias mais subtis e as mais densas, oriundas principalmente do seu universo familiar e do seu entorno. Poucas famílias estavam espiritualizadas suficientemente para recebê-los e compreendê-los.

  Estas atitudes causaram-lhes grandes dificuldades de adaptação por onde quer que fossem. Seus dons não eram aceites nas suas famílias e muitos se desviaram do caminho espiritual por não ter tido a devida aceitação por seus pais e amigos à sua volta.
  Eles foram chamados de hiperativos, loucos, bipolares, esquizofrênicos e muitos foram excessivamente medicados esquecendo-se da sua verdadeira essência.
  Os índigos que compreendem a sua missão sabem da importância da sua vinda à Terra, eles mantém a possibilidade de que a Terra continuará a evoluir. Tudo o que não serve à humanidade se desvanecerá com a sua presença. Eles encarnaram para ajudar na transformação social, educacional, familiar e espiritual de todo o planeta, independente das fronteiras e das classes sociais. São como catalisadores para desencadear as reações necessárias para as transformações.
  Os índigos não começaram a chegar à Terra somente nas últimas gerações; o que acontece é sua quantidade aumentar exponencialmente para auxiliar o aumento vibracional da Terra, eles são tantos que, finalmente, não se pode ignorá-los.
https://revolucaodosindigos.wordpress.com/2014/01/19/adultos-indigos/

    Qual é a origem de todo o mal?

Saiba a causa de todos problemas da sociedade clicando aqui



A denunciação infamante conseguiu que a internet classificasse como perigoso, criando uma blindagem ocultando a postagem, a qual automaticamente é bloqueada e advertindo quem tenta acessar sobre o suposto "perigo" do endereço da Prisão Planetária novembro 12, 2015 às 00:22 http://wp.me/p3t6Ui-2a1



A NOM, nova ordem mundial, oculta a verdade!

Através dos MAV-pt, denunciaram como "perigoso" o site da postagem original - http://prisaoplanetaria.com/2015/11/12/adultos-indigos/



https://drive.google.com/open?id=1gUWyBC8LWRt1FcabQcfJBRZcMRoHLBSIeq8nGaW005A

Vamos salvar o País do aparelhamento institucional pelo crime organizado? A bandidagem sequestrou o Brasil apoderando-se das instituições civis:  https://vimeo.com/144022880

  Negocia-se com os sequestradores? Sim, contudo, o objetivo principal é estourar o cativeiro, prender os bandidos em flagrante e libertar a vítima sequestrada!
 No caso de vir a ser afastado o Presidente da República, apenas ocorrerá a substituição do chefe formal da quadrilha. O sequestro prosseguirá porque os bandidos controlam todas as instituições.
 Queremos resolver o problema? Deixaremos continuar o sequestro do país?

 Os malvados utilizam táticas de Saul Alinsky, o estrategista da manipulação psicoPaTa https://vimeo.com/143020267 

 Mentem boas intenções promovendo condutas de resultados catastróficos previsíveis.
 Os mutantes são desalmados. Embora finjam emoções, são totalmente incapazes de experiência emocional, conexão espiritual e juízo de valor.

 Nada fazem de produtivo porque não possuem motivação, a qual é uma emoção. São avessos a grandes esforços porque não toleram o desconforto exceto quando há risco à sua própria vida! Agem sempre em busca do seu proveito, do seu próprio conforto e, principalmente, da sensação de poder na qual são viciados. Por isto, mesmo quando se tornam bilionários, seguem roubando porque são viciados na sensação de poder que lhes proporciona manipular, roubar, etc.
 Os engodos psicoPaTas compõe o plano reptiliano de escravização humana. Esses monstros dissimulados assassinam reputações de quem combate o engodo da cartilha psicopata!
 Como a humanidade foi levada até essas trevas onde "normal" viver de forma desumana? *
 Os manipuladores são gentis, dissimulados, e agem sorrateiramente. Misturam realidade com mentira e embrulham em uma estrutura emocional distraindo-nos enquanto a falsa crença entra em nosso inconsciente sem ser examinada.
 A superficialidade e o egocentrismo ambientam o contrabando de falsas crenças e a inversão de valores camuflados em preconceitos, desde o racismo ao federalismo, sempre com uma desculpa de boas intenções.
 A cada minuto, os inimigos da humanidade inventam novas mentiras, bullying, desvios, roubos e mentiras. Exemplo: a mentira psicoPaTa anti Cristãos circulando a 2 anos pela internet: infama o PSC alegando a criminosa Suzane Richthofen ter se tornado Pastora e prócer do partido!
 São um pesadelo em forma humana.

O meta-grupo patriótico Foro do Brasil congrega os humanos contra o domínio do mal lutando no plano das crenças e valores. Combatemos a desinformação psicopata. Denunciamos a estratégia dessa guerra OP23 http://youtu.be/-LbFL5IdeN8

 A superficialidade e o egocentrismo ambientam o contrabando de falsas crenças e inversão de valores camuflados em preconceitos, desde o racismo ao federalismo; contudo, há um caminho da verdade por onde passa a democracia e o patriotismo http://bit.ly/federa-lismo


* A cotidiana vida desumana no Brasil:
 Acontecem uma média de 200 assassinatos diários; a cada 8 minutos, um brasileiro é violentamente morto! Outras centenas de pessoas desaparece! As estatísticas escondem essa tragédia diária!
 Outro volume de vidas é desperdiçado no trânsito. Desde ciclistas e pedestres atropelados por falta de ciclovias ou passarelas adequadas, até os acidentes devido ao sucatamento das vias, falhas da sinalização e, sobretudo, causados pelo estresse e violência promovidos pelos psicoPaTas.
 E as centenas mortos, todo o dia, por enfermidades curáveis?
 Ocorrem mil mortes estúpidas e evitáveis todo o dia no Brasil!
 Por que?
 Os assassinatos são a consequência do aviltamento das segurança pública e justiça http://bit.ly/superficialidade
 A chacina no trânsito decorre de fatores: (1) apologia do veículo particular  + (2) vias públicas sucatadas http://bit.ly/imobilidade + (3) impunidade http://bit.ly/superficialidade
  Mortes por enfermidades evitáveis ou curáveis, centenas por dia, decorrem de 3 fatores:
(1) "desinformação" induzindo como normal a dieta da indústria da morte http://bit.ly/acucarada + http://bit.ly/refrigernte
 (2) políticas públicas danosas https://canaldescubra.wordpress.com/videos/eugenia/fluor/ 
 (3) minguados recursos da saúde desviados pela corrupção.
 Basta corrigir os 2 primeiros fatores, isto é, orientar a população para os cuidados visando preservar à saúde, e haverá 99% menos doenças. 
 Essa tragédia cotidiana, mil mortes evitáveis, é programada para idiotizar a população.
 A imprensa, controlada pela NOM, esconde a quantidade de mortes! Mostra apenas uma ou outra. Camufla as mil mortes omitindo o volume e passando uma falsa impressão de só acontecerem os poucos eventos noticiados.
 Vivemos um holocausto com a sistemática dizimação de quem combate a idiotização programada pela NOM e Foro de SP para nos escravizar http://bit.ly/elite-escrava
 A crise do ensino é um plano de idiotização http://bit.ly/deseducam
 Desmanche da educação é planejado para provocar o analfabetismo funcional http://bit.ly/analfabetismo-funcional
 Estamos construindo 1 MMM, um Mundo Muito Melhor http://bit.ly/desinformação
 A cada minuto, a bandidagem inventa novos roubos, pesadelos e mentiras http://bit.ly/federa-lismo
 Os bandidos de colarinho branco usam a emoção. Emoção é a essência da vida humana encontrando-se na interseção dos 4 planos de atuação na sociedade: http://bit.ly/4plano 
 Libertar a humanidade do domínio psicopata, a causa de todos problemas da sociedade, é nossa missão  https://youtu.be/dAOp4fVJwDg?t=18m25s
 Identifique os psicopatas e as suas armadilhas http://bit.ly/desumanos
 A luta Humana contra desumanos-psicopatas é no plano das crenças e valores. Identifique a manipulação em comunicações e grupos http://bit.ly/perigosos
 Alerte quem ignora o extremo perigo do Foro de SP e NOM http://bit.ly/Niobio
 Denuncie a infâmia contra as Forças Armadas! No período do Governo Militar, não houve as 3 características das ditaduras, todas presentes no Brasil atual http://bit.ly/contragolpe1964
 Os transportes mais caros do mundo são planejados para fomentar consumo http://bit.ly/imobilidade
 Acultura da superficialidade escraviza mediante impostos extorsivos sobre consumo insano e endividamento enquanto a encenação jurisdicional tolera todo resultado do trabalho ser tomado do povo http://bit.ly/superficialidade
 Aviltando o ensino http://bit.ly/aviltado
 Avaaz e Change são tentáculos da NOM e Foro de São Paulo coletando informações para manipular http://bit.ly/Avaaz-NOM
 A mídia é controlada para criar falsos lideres; na abertura política, infamou Brizola e idolatrou Collor http://bit.ly/idolatria-politica
 Vivemos uma escravidão dissimulada aprisionados na teia virtual de impostos sobre consumo elevados http://bit.ly/impostosEscravidao
 Exemplo não é a melhor forma de ensinar: trata-se da única! Mutantes psicopatas subvertem os valores sabotando a ética http://bit.ly/exemplo-etica
 Há impostos dissimulados, como a inflação, a qualquer momento aumentada e a qual todos o pagam: até o mendigo, ao guardar uma moeda http://bit.ly/inflacao-imposto
 Querem aumentar ainda mais os impostos de forma disfarçada como, por exemplo, a pretexto de "moralizar" o esporte PEC 12/2012 art.217-I-CF http://bit.ly/esporteAutonomiaPerigo
 A indignante idolatria da falsidade e culto aos imbecis enquanto aviltam quando não assassinam a reputação) de quem (ousa!) disseminar a cultura e fomentar o livre pensamento http://bit.ly/do-professor
 A NOM semeia mentiras como aquecimento global, o maior engodo do planeta http://bit.ly/aquecendo 
Causam instabilidade, crises, quebras e desvalorização permitindo lucrar comprando tudo barato http://bit.ly/Foro-SP-NOM
 Semeia preconceitos como a infâmia das Lutas e Artes Marciais http://bit.ly/sindiplam e o bairrismo anti-gaúcho http://bit.ly/Anti-Gaucho
 Agro terrorismo http://bit.ly/agroterrorismo e movimentos de esquerda e direita são financiados pela NOM para causar instabilidade, crises, quebras e desvalorização permitindo-lhes lucrar comprando tudo muito barato http://bit.ly/Foro-SP-NOM


Impostos e os demais grilhões da escravidão moderna.



    


1. Direitos humanos que coitadizam os bandidos, e olvidam as vítimas, servem para fomenta sentimentos de insegurança e de impotência, e disseminar o medo. O medo ativa o cérebro réptil, o que bloqueia o racional, e torna fácil a manipulação miática.



2. Proteger moradia tem sido pretexto para as instituições financeiras monopolizarem o crédito e multiplicarem seus lucros!


3. Trocentas ONGs com milhões de pessoas na rica Amazônia. sob pretexto de ajudar - disfarça estarem lá para se explorar a biodiversidade e se apropriarem das riquezas. Enquanto no Nordeste, onde realmente ajuda é necessária porque há pobreza, fome e falta água, não há uma única ONG para ajudar...


4. Criar cotas nas Universidades, sob pretexto de permitir acesso aos "pobres", desvia o foco do sistema discriminatório. O ensino superior é um mecanismo a serviço da disparidade social: Tem acesso ao ensino diferenciado justamente os mais ricos, aumentando a disparidade socioeconomicocultural, o poder e a riqueza de uma minoria!

5. A mídia manipula a população, com recados subliminares de onda de violência e de perigos, fomentando crenças limitantes de que o mundo pode acabar, de que não haverá futuro. Isso leva as pessoas viveram como se não houvesse amanhã, o que exacerba o consumismo e superficialidade. Não se dedicam a buscar informações, nem mesmo sobre sua própria saúde, a qual confiam em um sistema mal intencionado, a indústria da doença, que quer explorar economicamente doenças que, na maioria, poderiam ser evitadas com cuidados simples e baratos. Esse sistema enriquece as multinacionais dos medicamentos, que financiam os congressos de medicina e as publicações.


6. Impostos constituem a escravidão moderna, tolerada porque o inconsciente coletivo está impregnado com paradoxos, inversão de valores e falsas crenças, como a de que "quem rouba ladrão tem cem anos de perdão", e de que "os fins justificam os meios".  Antigamente, movimentos como a Inconfidência Mineira, ou a Revolução Farroupilha,   foram disparados contra impostos de 20% - o conhecido "quinto dos infernos". Hoje, a carga tributária, em alguns casos, passa de 80% da renda!





 Sobrecarga de impostos no Brasil a escravidão moderna!


Ao adequada voz de Toni Luna, recita a primorosa tradução de Mansur Chalita do virtuoso Kalil Gibran sobre a liberdade, na obra "o profeta". Dificuldade em escutar? Ouça ou baixe o mp3 de: Liberdade na percepção de Kalil Gibran (O Profeta) ou https://drive.google.com/file/d/0B2CNDxRTI8HARF9VS1ZBRzBLNG8/view?usp=sharing



----- Original Message ----- To: Advogados do Brasil Cc: Gabinete da Presidência da OAB-RS
Sent: Sunday, May 06, 2012 4:01 AM Subject: "Presídio Central é um desrespeito à sociedade", afirma Pres. Lamachia

 "Presídio Central é um desrespeito à sociedade" afirmou Claudio Lamachia, então Presidente da OAB-RS, sobre o PC de Porto Alegre. http://jusclip.com.br/%E2%80%9Cpresidio-central-e-um-desrespeito-a-sociedade%E2%80%9D-afirma-lamachia/


   O Presídio Central  é resultado de décadas de gestão orquestrada para que cresça a violência, que os problemas se tornem cada vez piores, para servirem de pretexto a contratações urgentes e propinagem, enquanto enreda a maioria honesta da população em uma teia de paradoxos
Uma Bomba?...

Falar em Bomba,  o que aconteceu com a radiação,
em Hiroshima, que duraria 1.000 anos,? 







HIROSHIMA: 65 anos depois:  

















BRASIL:
65 anos depois da bomba de HIROSHIMA:
E de pagarmos zilhões de impostos:


     

   

   





    

    

        

Detalhe: o Brasil tem muito mais recursos naturais do que a China! Na verdade, somos o país mais rico do mundo e, se não fossem roubados todos os dias em bilhões, tudo seria diferente no país pois haveria dinheiro para todas as demandas.

Aliás, para resolver todos os riscos ambientais no Brasil bastariam 10 bilhões bem aplicados.



A saúde pública pode ser sanada com 15 e transformada em saúde de ponta com 30 bilhões!



A educação será recuperada com 10 bilhões e transformada na melhor do mundo com 30 bilhões.



O Governo não resolve esses problemas. Alega falta de recursos. Nega, até, uma singela reposição inflacionária aos professores!



Contudo, na COPA 2014 e Olimpíadas 2016 os gastos governamentais serão entre 80 a 100 bilhões, dos quais grande parte será desviada em corrupção. 



    


Agora,  responda:

A longo prazo, o que causa maior destruição?
 

UMA BOMBA ATÔMICA ou os POLÍTICOrruptoS? 







 Como a população pode comportar-se como se "isso" fosse "normal"? 


  Porque está entorpecida!
  Como isso aconteceu?   Falsas crenças e inversão de valores!
 Fernando Collor foi inventado e destruído pela Rede Globo: http://padilla-luiz.blogspot.com.br/2006/05/idolatria-midia-manipula-cria-falsos.html

  Lula foi criado pela extrema direita do Governo Militar para ser um anti-Brizola: http://www.livreimprensa.com.br/o-lula-secreto/     Como aprendeu a negociar com a mídia, manteve-se no poder
  Marcelo Tas e Pedro Bial expõe como a opinião pública é manipulada; quadro piloto do programa Fantástico que a direção da Rede Globo não permitiu ser exibido na TV: assista rápido, querem tirar da internet: http://padilla-luiz.blogspot.com.br/2013/06/espertos-agindo-como-tolos.html

 A ignorância é idolatrada por mensagens subliminares embutidas em novelas, mini séries, etc., até o inconsciente coletivo aceitar a INVERSÃO de VALORES:

 "Cultura e esforço são irrelevantes, o importante é se dar bem."
(SERIA CÔMICO, NÃO FOSSE TRÁGICO!)

 Deturpada pelo "jeitinho brasileiro"...


DEMOCRACIA transformou-se na

DITADURA da MINORIA que

com acultura manipula a MAIORIA.

Os resultados estão ai...

 Democracia é um engodo, uma ditadura de acultura:
 A maioria que "decide" está entorpecida e os resultados são controlados por uma parcela inferior a 1% controla tudo mediante a manipulação de metade da população..

 E as pessoas cultas?
 Toleram,  quase inertes,  porque nossa capacidade de (re)ação tem sido minada pelo déficit de atenção coletiva e pelo "bloqueio" das crenças falsas, como: "A corrupção é um problema endêmico e antigo, está no DNA da política brasileira." 

 Somos enredados em uma teia de paradoxos:

 Somos induzidos a comprar novos carros que podem acelerar mais do um avião decolando; contudo, dirigimos mais devagar do que um jegue. Por que? Quem devia fazer o trânsito fluir quer engarrafamentos para causar desperdício de combustível e aumentar a arrecadação de impostos!

 Já pensou em quanto combustível é desperdiçado no trânsito irracional e engarrafado? Pois a mesma gentalha responsável pelo trânsito caótico demagogicamente usa um discurso ecológico para nos motivar gastar, a trocar de carro, de geladeira, etc., para uma suposta economia de energia. Agora, inventaram que devemos comprar sacolinhas... Querem, na verdade, que sejam pagos mais impostos!
   E se estás dirigindo, e vais a uma festa, sofre a desdita de não beber um cálice de vinho porque pode ser preso, como se fosse um criminoso!  Enquanto os verdadeiros criminosos praticam conchanbrâncias e chumbregâncias livremente.
  O aparato policial (que nós pagamos!) concentra-se nas vias movimentadas onde para os trabalhadores e consumidores na expectativa de multar quem tomou um drinque para relaxar.
  O sistema pune quem toma um copo de cerveja ou vinho e volta para casa dirigindo é o mesmo que tolera comportamentos irracionais no trânsito e, pior, faz vista grossa a quem dirige entorpecido por drogas de todo tipo.
  Tanto por drogas ilícitas como pelo coquetel narcotizante, receitado por médicos egressos dos congressos que propagam a "ciência" médica que são pagos pelas multinacionais de medicamentos, que também financiam as editoras e, portanto, decidem o que divulgar como "verdade" para aumentar seu lucro com todo esse sistema.
   O trabalhador, sem esperança de melhorar a vida, paga impostos elevadíssimos nas bebidas e em outros paliativos da vida SEM SENTIDO que leva. Enquanto isto, o mega empresário viaja ao exterior, compra da pasta de dente, até bebidas, sabonete, xampu, etc, no free shop, nas viagens de passeio e trabalho... Compra suas roupas e outros produtos no exterior, onde a carga tributária é de 1/3 a 1/5 da nossa, ou se aproveita de promoções ou permutas. Gasta seu dinheiro em luxos no exterior, praticamente imune aos impostos.
   Os paradoxos induzem a um estado de ansiedade, e esvaziam a vida de sentido. Isso faz você se sentir mal? Vai procurar ajuda? Cuidado! Podes cair no pior engodo: A indústria da morte travestida de medicina:
  As multinacionais dos medicamentos, que financiam os congressos médicos e as editoras, decidem o que será divulgado como "ciência". De uns anos para cá, disseminam o vício em drogas tal maléficas quanto os entorpecentes, pois igualmente viciam e robotizam, além de desencadearem doenças. Tudo armado para enriquecer a "indústria da morte": http://padilla-luiz.blogspot.com/2011/06/criancas-drogadas-por-pais-entorpecidos.html

  A partir dos anos noventa, começa a prática da encenação jurisdicional. Foros e Tribunais foram enlameados pela crença de que a celeridade é tudo...
  A frustração da Justiça tornou-se um dos piores paradoxos:
Os maus são bem sucedidos:
Os corretos,  sofrem.
Danos e lesões ao direito não são reparados: http://www.espacovital.com.br/noticia_ler.php?id=25300
Há décadas, pessoas bem intencionadas tem sido jogadas umas contra as outras, provocando o desmanche do ensino e das instituições em geral.

Hoje estão usando a mesma tática para acabar com a advocacia que – durante séculos, foi o grupo defensor da Justiça: A OAB foi, até algum tempo atrás, a maior defensora da liberdade e dos direitos. Querem mudar leis sem necessidade,  para confundir, criar dificuldades, e entorpecer ainda mais!

Sob o pretexto de liberdade, imprensam os direitos fundamentais até os anular! Por pura cupidez, mirando apenas o lucro, não se comprazem de manipular a informação, misturando realidade com ficção.   que consiste em uma das práticas mais dantescas e imorais. Pode ser pior do que a tortura física, porque esta deixa marcas que se podem usar para provar om fato e atrair a compaixão. Também se pode fugir (ou tentar!), se pode reclamar, podemos pedir ajuda!. Aquela, contudo, a tortura humana pela pura a simples destruição de uma pessoa pelo assédio moral, bullying e manipulação de informações, é dissimulada, demora a ser detectada, as vezes a vítima só percebe tarde demais, ou morre sem saber.


As CAUSAS da corrupção, da criminalidade e da ineficácia da Justiça decorrem da mesma fonte...      http://www.padilla.adv.br/processo/morosidade/

O que podemos fazer?
Como podemos acreditar e construir 1 MMM – uM Mundo Muito Melhor - cercados de tanta iniquidade? 
Sendo a mudança que queremos ver no Mundo! (Gandhi): A vida é feita de escolhas.
Muita gente boa está se aglutinando em torno dessa ideia de ACORDAR do torpor...  Considere-se convocado a participar!
Compartilhe, converse, espalhe...

Chega de torpor?
Mais do que uma pretensão em rumo à politização da nossa sociedade,    isto é um chamado para deixarmos de sermos idiotas:
"Liberdade é o que você faz daquilo que fizeram a você." 

Diga não ao comodismo, à falta de compromisso com a verdade, ao sensualismo exacerbado e, especialmente, à cumplicidade com a (des)informação superficial, distorcida ou falsa!
Você é formador de opinião, convide os amigos a participarem dessa conscientização. As pessoas bem intencionadas - leiam-se nós - passamos a vida sendo jogados uns contra os outros...
A dominação subliminar pode ser eficazmente combatida pela verdade. Toda pessoa tem direito de pilotar sua própria vida, com livre arbítrio, aprendendo a perceber as armadilhas ou manipulação.



"Liberdade é o que você faz daquilo que fizeram a você." 
A verdade acorda, ilumina.
O mais interessante e extraordinário na amizade, é a troca de idéias que propicia. Porque quanto mais nos libertamos das idéias, doando-as desinteressadamente, maior espaço abre-se, em nossa consciência, para que muito mais idéias novas cresçam e floresçam!
:)

Seja a mudança que quer ver no Mundo! (Gandhi)
Quem conhece os outros é inteligente.
Quem conhece a si mesmo é iluminado.
Quem vence os outros é forte.
Quem vence a si mesmo é invencível.
Tao Te King, 33
Sobre o movimento ACORDAR, consiste no despertar do torpor instalado pela acultura da superficialidade egocêntrica, no qual as pessoas com boas intenções são anuladas, jogadas umas contra as outras, ademais de entupidas por paradoxos, valores invertidos, falsas crenças e sobrecarga de informações irrelevantes, incompletas e distorcidas!






Exemplos de usarem boas intenções para malvadezas:

1. Direitos humanos que coitadizam os bandidos, e olvidam as vítimas, servem para fomenta sentimentos de insegurança e de impotência, e disseminar o medo. O medo ativa o cérebro réptil, o que bloqueia o racional, e torna fácil a manipulação midiática.
2. Proteger moradia tem sido pretexto para as instituições financeiras monopolizarem o crédito e multiplicarem seus lucros!
3. Trocentas ONGs com milhões de pessoas na rica Amazônia. sob pretexto de ajudar - disfarça estarem lá para se explorar a biodiversidade e se apropriarem das riquezas. Enquanto no Nordeste, onde realmente ajuda é necessária porque há pobreza, fome e falta água, não há uma única ONG para ajudar...
4. Criar cotas nas Universidades, sob pretexto de permitir acesso aos "pobres", desvia o foco do sistema discriminatório. O ensino superior é um mecanismo a serviço da disparidade social: Tem acesso ao ensino diferenciado justamente os mais ricos, aumentando a disparidade social econômica e cultural, o poder e a riqueza de uma minoria!
5. A mídia manipula a população, com recados subliminares de onda de violência e de perigos, fomentando crenças limitantes de que o mundo pode acabar, de que não haverá futuro. Isso leva as pessoas viveram como se não houvesse amanhã, o que exacerba o consumismo e superficialidade. Não se dedicam a buscar informações, nem mesmo sobre sua própria saúde, a qual confiam em um sistema mal intencionado, a indústria da doença, que quer explorar economicamente doenças que, na maioria, poderiam ser evitadas com cuidados simples e baratos. Esse sistema enriquece as multinacionais dos medicamentos, que financiam os congressos de medicina e as publicações.
6. Impostos constituem a escravidão moderna, tolerada porque o inconsciente coletivo está impregnado com paradoxos, inversão de valores e falsas crenças, como a de que "quem rouba ladrão tem cem anos de perdão", e de que "os fins justificam os meios".  Antigamente, movimentos como a Inconfidência Mineira, ou a Revolução Farroupilha,   foram disparados contra impostos de 20% - o conhecido "quinto dos infernos". Hoje, a carga tributária, em alguns casos, passa de 80% da renda!
Moral da história?
Deixe de lado as "boas intenções".
O caminho do inferno, vasto e largo, foi pavimentado com elas!
Porque as maiores malvadezas da história foram implementadas sob as melhores intenções.
O que interessa para tomar uma decisão é QUAIS SÃO as OPÇÕES que dispomos?
O que acontecerá de diferente se adotarmos uma ou outra das opções?
O resto, é prosopopeia flácida para acalentar bovinos e que, as vezes, funciona com humanos entorpecidos. ACORDE!
1. Direitos humanos vitimizam os bandidos, olvidam as vítimas, e fomentam sentimento de insegurança e impotência que dissemina o medo, ativa o cérebro réptil, bloqueia o cérebro racional, e facilita a dominação.
Direitos humanos, muitos defendem os bandidos; e as vítimas?
Enquanto as vítimas da violência sofrem sem qualquer ajuda de ONGs ou do Estado, há milhões de pessoas e muitas ONGs e entidades estatais defendendo Direitos Humanos para quem praticou atos ilícitos e violências.
 
A descontextualização dos delinquentes como "vítimas" de uma sociedade maldita provoca inversão de valores, degradação social e o domínio do medo. Uma população refém do atavismo é fácil de controlar!

A descontextualização dos delinquentes como "vítimas" de uma sociedade maldita alicia a sua defesa muitas pessoas bem intencionadas, as quais não percebem que os mentores dessa inversão de valores, os sociopatolobistas, querem a degradação social e o domínio do medo, que torna a população refém do atavismo, e muito fácil de controlar!
Defender os direitos dos manos que praticam violência, preterindo a assistência às vítimas?
 Como a população pode comportar-se como se fosse "normal"
 Porque está entorpecida!
 Também pudera: Há sobrecarrega de "informações" irrelevantes, incompletas e distorcidas, misturando realidade com ficção e sensacionalismo:
 Para terceirizar a vontade, exacerbam as sensações momentâneas e a inveja, estimulam o sexismo e o egocentrismo, hedonista procura do prazer imediato, fácil e de baixo custo de investimento pessoal,  induzindo as pessoas à insegurança e ao isolamento! A apologia do aparentar, do fingir, acentuam a superficialidade, e viciam em pseudorreflexão.
 Preconceitos, bullyng, difamações, assédio...
 Os afetados pela "acultura da superficialidade" ficam limitados a uma vida imediatista, destituída de percepção ecológica, sem perceber as conseqüências de seus atos e as interações da vida.  A maioria das pessoas bem intencionadas é anulada simplesmente as jogando, umas contra as outras, enquanto são bombardeadas com falsas crenças como:   "Felicidade é um direito!" ou  "Já nascemos prontos!"
 Os que lucram com superficialidade e atos ilícitos ressuscitaram um hábito da decadência do Império Romano, de acreditar que não haverá amanhã, de forma a viver o presente até o esgotamento: Carpe dien.
 O divertido   Prof. Dr. Mário Cortella que, por 17 anos foi principal discípulo do 46 vezes doutor Paulo Freire, a quem substituiu em todas as funções quando faleceu o maior educador de nossa história*,   questiona o fazer-tudo-correndo a fim de sobrar tempo: Tempo para...? Assista-o, e descubra que pode ser divertido confrontar o modelo antiecológico que querem a mídia insiste em empulhar: 
 Tempo para...? Assista-o, e descubra que pode ser divertido confrontar esse modelo antiecológico:   http://www.youtube.com/watch?v=ozxoOOaE__U


* Lei nº 12.612, de 13/4/2012, DOU 16/4/2012, declarou o educador Paulo Freire Patrono da Educação Brasileira.
     
2. Proteger moradia é pretexto para as Instituições financeiras monopolizar o crédito e multiplicar seus lucros:
MONOPÓLIO DO CRÉDITO pelas Instituições Financeiras após a MP143 e Lei 8009, as quais inviabilizam os empréstimos pessoais entre particulares, pelo simples fato de que não terão como cobrar em caso de inadimplência.
Sob o pretexto de garantir moradia as exceções (os que se endividam) a boa intenção,
FURTARAM de toda a população o acesso ao crédito, com amigos e parentes (pagando juros de 1% ao mês) obrigando quem precisa a recorrer as Instituições Financeiras, as quais cobram juros de 8% ou mais ao mês, aplicados de forma complexa, que chegam a 100% em pouco tempo.
O Governo ganha com esse monopólio, pois sobre esses 100% a mais recebe impostos e taxas.
Os Bancos lucram, veja:
As instituições financeiras cobram juros compostos, mês a mês, de 8% a 12% ao mês (fato público e notório art. 334, CPC). Num empréstimo pessoal com amigo ou parente, contudo, seria um juro simples, de 1% ao mês.  A diferença é brutal. Em um ano passa de 100%.
Na memória de cálculo abaixo exemplifica:
Usamos o valor  de R$ 8.000,00 para demonstrar que, num intervalo de 2 anos de um empréstimo,  o banco lucrará dezenas de milhares de reais, o que explica a rapidez com que foi aprovada a tal MP 143:
Observe o quanto é lucrativo monopolizar oi crédito:[1]
Memória de cálculo de juros bancários:
R$ 8.000,00 por dois anos com juros de 8% ao mês:
Valor original: R$ 8.000,00
Valor com juros de 8% ao mês: R$ 50.729,60
Juros percentuais = 534,12 %*
Valor dos juros = R$ 42.729,60
Valor total com juros = R$ 50.729,60
* Observações sobre os juros: Fórmula dos juros compostos: Juros = ((1 + taxa / 100) ^ períodos) – 1
períodos = 17/31 (prop. Jul) + 23 (de Ago a Jun) + 14/31 (prop. Jul) = 24
Fórmula dos juros compostos:   Juros = ((1 + 8 / 100) ^ 24) - 1 = 534,12 %
Compare ao valor para no processo:
Memória de cálculo de juros de empréstimo com amigos ou parentes:
Atualização de R$ 8.000,00 por dois anos com juros de 1% ao mês:
Valor original: R$ 8.000,00
Valor com juros de 1% ao mês: R$ 9.920,00
Memória de Cálculo Juros
Juros percentuais = 24,00 %
Valor dos juros = R$ 1.920,00
Valor total com juros = R$ 9.920,00
* Observações sobre os juros simples:
Fórmula dos juros simples: Juros = (taxa / 100) * períodos
períodos = 17/31 (prop. Jul) + 23 (de Ago a Jun) + 14/31 (prop. Jul) = 24
Fórmula dos juros simples:     Juros = (1 / 100) * 24 = 24,00 %

Diferença + de 500%




[1] Memória de cálculo realizada através do site: http://www.calculoexato.com.br/
Pior, quando editaram a MP 143/90 e Lei 8009/90, haviam milhões de processos nos quais PESSOAS HONESTAS cobravam indenizações e outras dívidas, e quase tudo foi literalmente arquivado!
Um descalabro.
http://padilla-luiz.blogspot.com.br/2005/10/lei-8009-farsa-impenhorabilidade.html

Consolida os trabalhos publicados com seguintes títulos:

1º   Da penhora em face da Medida Provisória nº 143, e Lei nº 8009 Adv
Advocacia Dinâmica COAD, Boletim Informativo Semanal nº 50/90, 14 de
dezembro de 1990, p. 506-505;

2º   A Lei 8.009 e as penhoras Jornal da OAB-RS, Porto Alegre, Ipsis
Litteris, junho 1991, p.10;

3º   Processando a União Federal pela impenhorabilidade da Lei 8009/90 Adv,
Advocacia Dinâmica, COAD, Boletim Informativo Semanal 24/95, 18 de junho de
1995, p.251-248;

4º   Quem patrocinou a impenhorabilidade da moradia da Lei 8009, em
flagrante inconstitucionalidade? Jornal do Comércio, Porto Alegre, 9 de
fevereiro de 1995, p.2, Segundo Caderno

5º Novas queixas ao Bispo. "Ipsis Litteris", Jornal da OAB/RS setembro de
1991 p.12. clique




3. Trocentas ONGs com milhões de pessoas na rica Amazônia, pretexto para se apropriarem da biodiversidade e explorarem as riquezas, enquanto no nordeste, pobre e sedendo, ninguém vai ajudar...
Por que não tem ONGs no Nordeste seco?

Você consegue entender isso?

Vítimas da seca
Quantos? 10 milhões
Sujeitos à fome? Sim
Passam sede? Sim
Subnutrição? Sim
ONGs estrangeiras ajudando: Nenhuma

Índios da Amazônia

Quantos? 230 mil

Sujeitos à fome? Não

Passam sede? Não

Subnutrição? Não

ONGs estrangeiras ajudando: 350

.Provável explicação: A Amazônia tem ouro, nióbio, petróleo, as maiores jazidas de manganês e ferro do mundo, diamante, esmeraldas, rubis, cobre, zinco, prata, a maior biodiversidade do planeta (o que pode gerar grandes lucros aos laboratórios estrangeiros) e outras inúmeras riquezas que somam 14 trilhões de dólares.

.O nordeste não tem tanta riqueza, por isso lá não há ONGs estrangeiras ajudando os famintos.

.Tente entender: Há mais ONGs estrangeiras indigenistas e ambientalistas na Amazônia brasileira do que em todo o continente africano, que sofre com a fome, a sede, as guerras civis, as epidemias de AIDS e Ebola, os massacres e as minas terrestres. Agora, uma pergunta:

Você não acha isso, no mínimo, muito suspeito? É uma reflexão interessante ou não é ???

4. Criar cotas nas Universidades, sob pretexto de dar acesso, desvia o foco do problema, que consiste no ensino superior ser acessível apenas aos ricos  - aumenta a disparidade social econômica e cultural, o poder e a riqueza da minoria:


O atual modelo do ensino público gratuito tem cotas sociais e raciais.
ideia é maravilhosa!         E pavimenta o caminho do inferno:
Os filhos de ricos, que ricos são, tem a renda paterna que lhes permite pagar tudo de mais caro que existe, Estudam nos melhores colégios, com todos os cuidados, fazem intercâmbio no exterior, aprendem outra(s) língua(s), não precisam trabalhar e, por conta dessa excelente formação.
Conquistam as melhores posições no vestibular e estudam de graça nas Universidades Federais.
Os filhos de pobre, que são pobres, não tem renda para boas escolas, padecem de uma falta geral de cuidados, de higiene, saúde e até de alimentação, e chegam ao vestibular sem quaisquer condições de conquistar vagas nos cursos disputados, salvo uma pequena parcela que fica dentro do percentual de cotas. Sobram para o pobre cursar as mais caras particulares, das quais todos mais fogem. Trabalham para pagar o estudo e, contudo, como se matam trabalhando porque as mensalidades são caras, enfrentam dificuldade para estudar. Quando conseguem, o curso é feito muito mais devagar, num sacrifício de uma década para obter um diploma superior.
Com a estipulação de cotas, pouco mudou: As vagas de cotas são limitadas e o ensino superior continua elitizado, inacessível a maior parte da população que realmente precisa de ensino gratuito.
Se aumentarmos a vagas, cada vez mais ricos estudarão de graça!

 Os projetos que até hoje tramitaram no Congresso se limitam a inverter o modelo atual:
Ao invés de ensino gratuito, pretendem exigir o pagamento simultâneo aos estudos, abonando a exigência conforme uma análise da situação financeira familiar, a qual enseja de imediato o problema de definir critérios subjetivos eficazes e, se superada tal fase, ao ser posto em prática, ira desencadear uma nova geração de problemas como falsas alegações de pobreza, ademais de intermináveis discussões judiciais sobre a necessidade, etc.
    Pior de tudo:
    Esse modelo de forma alguma e JAMAIS resolverá o problema atual, o qual consiste em faltar de vagas para as classes menos favorecidas porque são preenchidas pelos ricos, com os quais os pobres não tem condições de disputar.
    Foram criadas as cotas sociais, o que - ao meu ver - apenas comprova da falência desse modelo.     As cotas distraem, disfarçam o problema, dando esperança aos pobres, contudo, não o resolve:
    Os ricos continuam conquistando a maior parte dos vagas doo ensino público superior.
    O que propomos é algo totalmente NOVO, um modelo completamente diferente.
    E vai resolver o problema de faltarem de vagas para os pobres pela simples razão de que os ricos não vão mais se interessar pelo ensino público. Sem aumentar uma única vaga, teremos uma multiplicação de posições disponíveis as classes menos favorecidas que, ai sim, dentro dela, poderão disputar em condições de igualdade.
    O novo paradígma cria uma situação financeiramente não interessante para as classes mais abastadas, as quais passariam a preferir os cursos particulares pagos, do que sujeitar-se ao pagamento futuro, em percentual sobre a renda bruta, pelo mesmo tempo de duração do curso.
   
Como democratizar o ensino público superior?


Anteprojeto:


               " Para realizar grandes sonhos 
                    Precisamos GRANDES sonhos... "




Art. 1º. Após um período de carência, o beneficiário do ensino público superior pagará os estudos mediante 15% de todas as rendas auferidas do trabalho durante período idêntico ao da duração do curso.

§ 1º. O período de carência será equivalente ao tempo de duração do curso, e contado da colação de grau.

§ 2º. Quando o beneficiário ingressar em curso de pós-graduação o período de carência ficará suspenso até sua conclusão ou o desligamento do estudante.

§ 3º. Quando o beneficiário iniciar novo curso ou se transferir para estabelecimento privado, o período será proporcional aos créditos aprovados.

§ 4º. Quando o beneficiário desistir do curso, o período será proporcional aos créditos aprovados, e será devido após o período de carência, contado do desligamento.

Art. 2º. Após o período de carência, será recolhido ao FES - Fundo de Ensino Superior o percentual de 15% sobre a renda bruta, mediante desconto em folha quando pertinente.

§ 1º. O atraso no recolhimento sujeita o infrator juros de 1% ao mês e correção monetária pro-rata, além da multa.

§ 2º Até 30 dias de atraso a multa será de 10%; até 60 dias de atraso, multa de 20%; até 90 dias de atraso, multa de 30%; a multa será de 50% até 6 meses de atraso e, acima disto, a multa será de 100%.

Art. 3º. Esta lei entra em vigor no ano letivo seguinte ao da sua publicação.

§. Ficam ressalvados da nova sistemática implantada por esta lei os estudantes vinculados ao ensino público, e em relação ao curso que frequentam.




    Vamos  continuar tolerando esse sistema violando a dignidade?

Quem não precisa do ensino gratuito, porque é rico, estuda de graça.

Quem realmente precisa, porque é pobre, não consegue acesso ao ensino gratuito; para obter um diploma, mata-se de trabalhar por uma década pagando uma faculdade privada.

    S.m.j., isso afronta a dignidade humana (art. 1º-III CF) e a Isonomia (art. 5º caput e inc. I, CF)





5. Viva intensamente Pode não haver futuro (o mundo vai acabar!):


Até 1968 quando, para anular as mobilizações que se iniciavam, o consumo de drogas passou a ser estimulado entre os jovens para literalmente os entorpecer:


Embora seu uso seja tão antigo como a humanidade com o objetivo de alterar a consciência do indivíduo e fornecer-lhe a fuga da realidade, as drogas em geral eram antes de uso restritivo e rigorosamente ritual e religioso. Sua transformação em setor econômico, de alta relevância no sistema capitalista (há 30 anos atrás, a indústria orgiástica - droga, contrabando, prostituição - movimentava 1 trilhão de dólares anuais) obedeceu a interesses políticos bem definidos, ainda nos tempos do Poder Jovem.
Apesar da prosperidade aparente daquela época e da vigência do estado do welfare nos países do I Mundo, preocupava o movimento de contracultura, a independência das colônias, a conta do Vietnã, as nacionalizações petrolíferas. Nos sessenta e começo dos 70, o movimento geral de contestação era puxado pelas gerações mais jovens, motivadas por pensadores da época.
1968 foi um bruto susto mundial que levou o capitalismo associado (estávamos na vigência da Trilateral, e havia pequenas rivalidades entre marco/franco e dólar, com os petrodólares espalhando-se no mundo e produzindo efeitos inflacionários, e França e Alemanha associando-se para tentar derrubá-lo). 
Interessante lembrar que o tratado de Bretton Wood, que introduziu o dólar como referencial único nas transações internacionais, já tinha 21 anos, e o dólar não se mostrava confiável, causando saudades do velho lastro ouro.
Em 68 tivemos movimentos estudantis fortes, sendo que alguns deles, como o de Paris e a Revolução Cultural chinesa, envolveram os segmentos trabalhadores.
Foi-se, pois, arranjar um brinquedo para distrair as crianças. Em 1968, já o narcotráfico possuía um esquema profissional montado, mas para uma clientela de certo poder aquisitivo e mais velha. A pasta do ópio era produzida pela Pérsia do Xá (uma das razões, assim como o petróleo, porque foi derrubado Mossadeghi e voltou a monarquia àquele país, pelas mãos ianques), processada na Europa, nos laboratórios da Schering, e embarcada em Marselha.
A partir de então, dessa matriz, a coisa foi incrementada. A revolução islâmica de 1979 foi um desastre para essa gente, e explica o ódio paranoico que têm em relação aos muçulmanos e ao Irã: perderam a papoula e o petróleo numa só cajadada. Tiveram que improvisar um substituto, e o fizeram em outra região de petróleo: Colômbia e adjacências. Foi a montagem dos cartéis de Cali e Medellin. Casualmente, os narcotraficantes eram também correspondentes ou agentes da CIA. 
A droga, além de seu valor econômico, tem um valor estratégico político-militar. Não serão conselhinhos domésticos aos papais e mamães que vão resolver o assunto. Nem a repressão policial caseira pode resolver, pois sabemos todos que só uma parte das mercadorias  apreendidas é destruída, o principal é renegociado com outros grupos traficantes. Eis porque existem tantas execuções no setor: é guerra, mesmo.
Muito menos um prefeito ou um governador. As tropas invasoras norteamericanas (que, na verdade, são multinacionais e recrutadas pelo salário entre as classes marginalizadas - os EUA recrutaram voluntários para o Afeganistão através de blogs juvenis na América Latina, oferecendo salários mensais de 5 mil dólares, que, obviamente, não pagavam). Hoje as duas coisas se desenvolvem paralelamente em algumas regiões do mundo: drogas e petróleo/gás. Afeganistão é um exemplo. (baseado em texto de Tania Jamardo Faillace)

A droga está nas mãos dos cartéis associados aos governos do mundo, e a suas instituições, porque esse comércio, além dos lucros $$$$ e do voluntarismo que preside suas relações laborais (um subalterno que se rebela ou faz o que não deve, ao invés de demissão, recebe uma ou várias balas no corpo, ingressando na condição de "presunto" e notícia policial), tem bom uso político. Virou um ramo econômico do sistema capitalista, tal e qual outro, e que propicia lucros superiores devido a sua não-escrituração formal; contudo, também sofre grandes prejuízos com a perda de estoques pela repressão oficial. Essa é a razão da polêmica: libera ou não libera. Os conservadores adeptos da droga, querem a liberação para desfrutar de um negócio mais seguro e previsível; os audazes preferem continuar na clandestinidade, porque permite voos maiores e impede gerenciamentos de fora. 







Como sempre me esforcei em estar atento, e denunciei as malvadezas que percebia, 
    fica fácil entender porque sofri assédio moral, bullying, e perseguições por, não raro,
                  pessoas bem intencionadas jogadas contra mim...




Que achas da ideia?


Acordar para a nossa responsabilidade, de cada um de nós, de construirmos 1MMM = UM Mundo Muito Melhor?


Compartilhe!

Espalhe estas idéias e informações!


Todo mal é desencadeado pelos mutantes desumanos capazes de tudo.
O objetivo deles é a escravização da humanidade a qual consideram composta de seres inferiores devido à facilidade com a qual nos manipulam através das emoções.
Construa 1 MMM - um Mundo Muito Melhor simplesmente aprendendo a reconhecer essas armadilhas ambulantes http://bit.ly/desumanos e se prevenir e evitar a manipulação dissimulada http://bit.ly/perigosos 

Provavelmente será um dos melhores investimentos da sua vida esse aprendizado!


Descubra o que não querem que você saiba:

Você pode evitar 99,99% das doenças

com sabedoria alimentar. Como cuidar da saúde?