Bertalha

Bertalha: chamam-na de espinafre-indiano. Contudo, é muito melhor!

Saúde, sabor e bem estar ao alcance da tua mão:

  As folhas de bertalha (nome científico Basella Alba) são comestíveis e muito nutritivas! Ricas em fibras e proteínas, contém minerais essenciais: ferro, magnésio, fósforo, cálcio, potássio, cobre, manganês e zinco; e vitaminas A, B1 e B6, C e E! Possui o mais rico sabor entre todas as folhas além de uma textura incrível. Pode ser consumida crua inteira, picada ou sob a forma de patê. Pode ser cozida, refogada, assada. Pode ser incluída em pães, massas e suflês. Cresce muito rápido: quando as folhas recebem sol e há bastante água, em solo ácido chega a crescer 30 cm por dia! http://bit.ly/bertalha       https://docs.google.com/document/d/1XhaSICaBLtkTbecVdojqZMuCGLL8Vc3gIb2_RBG2rmM/pub.
   Distribuímos, gratuitamente, milhares de mudas de bertalha.    Solicite pelo whatsapp 55-51-9985207954 e terá saúde ao alcance da mão e sem custo algum!


  Cresce em pouca terra. De 2 a 3 kg de terra são suficientes, o equivalente e uma garrafa pet de 1,5 litro. Aceita a acidez do nosso coima e pode ser cultivada em sacadas ou janelas, ou mesmo dentro de casa em um local onde chegue sol em algum momento do dia.
  Gosta de umidade. Mantenha molhada e se puder, borrife água nas folhas quanto não houver mais sol. O sol nas folhas molhadas as prejudica.
  Bertalha ou espinafre-indiano também é conhecido por caruru inglês. Essa hortaliça da família Basalácea tem 21 espécies. O nome científico da espécie nutritiva e adaptada ao nosso clima é Basella Alba. Cresce nos países tropicais, sul da Ásia e Sri Lanka. É muito utilizado na cozinha oriental, principalmente na chinesa. Apesar de chamado de espinafre, possui características bem superiores.
  É rico em vitamina A, B6, C, ferro e cálcio (1,2 mg para cada 100 gramas), além de conter uma alta porcentagem de proteínas e fitonutrientes saudáveis. Também contém potássio, magnésio e ácido fólico.
  Pode ser utilizado em uma grande diversidade de receitas, de sopas até frituras.
 Além das suas clássicas propriedades, comuns a outros espinafres, você pode aproveitar outros benefícios:
 Rejuvenescedor: conter espécies reativas de oxigênio torna o espinafre-indiano um remédio natural para retardar el processo de envelhecimento.
 Laxante: uma planta muito boa para melhorar problemas como a prisão de ventre. Embora nem seja muito poderoso, você deve evitar consumir grandes quantidades para evitar dores e descomposturas.
 Antioxidante: o conteúdo de vitamina C torna-o um excelente antioxidante, ideal para lutar contra os radicais livres e reparar células danificadas. O magnésio e o cobre cumprem uma função similar.
 Cardíaco: o potássio é uma excelente ferramenta natural para melhorar e controlar a frequência cardíaca e a pressão arterial.
  Há várias formas de utilizar esta multifacetada planta:
 A pasta das suas folhas pode ser utilizada para tratar abcessos, úlceras e furúnculos; também dores por pancadas e inchaços.
 O seu suco morno é bom para tratar catarro, a dor de garganta e afrouxar a mucosidade.
 As suas flores funcionam como um antídoto, ideal para tratar picadas de vários insetos.
   Como cultivar?
 Cultiva-se em qualquer lugar onde haja sol. Quanto mais sol e água, mais crescerá. Contudo, pode-se tê-la dentro de casa em lugar onde haja bastante luz e sol eventual.
  Para espalhá-la, retire os tubérculos nascidos em meio ao caule e os coloque onde desejar que se desenvolvam.

   Luminosidade flexível:
 Melhor cultivar sob luz solar direta onde crescerá mais rápido. Contudo, tolera sombra parcial com boa luminosidade.

  Colheita
  Com boa luz e umidade, a primeira colheita pode ser feita em dois meses após o plantio. Corte as pontas dos ramos, com aproximadamente 40 cm de comprimento.
  Independente da colheita folhas individuais podem ser colhidas sempre quando necessário.
  A colheita pode ser repetida a cada 20 ou 30 dias. Em regiões de clima quente ou, quando a variedade está adaptada, a bertalha é uma planta perene.

  Por vezes, mesmo na espécie alba, o caule fica avermelhado:


  Florescendo, pode gerar frutos que, embora não tendo quase sabor, são úteis para colorir arroz, suflês, etc.


Receitas com a bertalha:

Salada de bertalha:
Ingredientes:
- Algumas dezenas de folhas e caules de bertalha lavados, escorridos e picadas;
- Repolho roxo picado em tiras;
- 50 a 100 gramas de grãos variados como chia, quinoa real, gergelim preto e farinha de linhaça dourada;
- Tempero verde.
Modo de preparo:
 Misture tudo na travessa agregando um filete de extra virgem azeite de oliva, pimenta a gosto. Experimente não colocar sal! Saboroso e nutritivo, constitui uma refeição completa. Veja foto:

Farofa de bertalha
Ingredientes:
- Algumas dezenas de folhas e caules de bertalha lavados, escorridos e picados;
-  1 cebola média picada em cubos;
- 8 tomates-cereja cortados ao meio;
- 2 colheres de sopa de azeite;
- Alho picado;
- Cebolinha;
- Farinha de milho de beiju em flocos.
Modo de preparo:
   Refogar a cebola na gordura de coco ou banha de porco até dourar.
   Adicione a bertalha e a cebolinha e tempere com sal e pimenta a gosto. Refoge e, quando a bertalha cozinhar, acrescentar a farinha de milho aos poucos, até adquirir o ponto desejado;
   Desligue o fogo, adicione os tomates e misture.
  A receita pode ser variada usando outra farinha, como a de mandioca. Também podem ser agregados, ao refogar a cebola, ingredientes como bacon picado.

Refogado com bertalha:
Ingredientes:
- Algumas dezenas de folhas e caules de bertalha lavados, escorridos e picados;
- 2 dentes de alho picados;
- 1 cebola pequena picada;
- Gordura de coco ou banha de porco;
- Cebolinha e Salsa.
Modo de preparo:
 Refogar a cebola na gordura de coco ou banha de porco até dourar, acrescentando o alho;
  Adicione as cebolinha e salsinha, tempere com sal e pimenta a gosto, e misture bem;
   Acrescente a bertalha e uma colher de sopa de água;
  Coloque um filete de azeite de oliva e tampe a panela. Se for panela de ferro, pode desligar e deixar tampada por alguns minutos para a bertalha cozinhar. Se for uma panela comum que esfria rápido, mantenha o fogo baixo por 2 minutos.
   Esse refogado serve de base para inúmeros pratos, como risotos ou suflês.

 Advertências
 A Bertalha contém ácido oxálico que, em grandes quantidades, está associado à formação de pedras nos rins. Assim, deve-se evitar consumir grandes quantidades, isto é, mais de 500 gramas diárias. Contudo, veja bem, trata-se de uma advertência para situações extremas. Comer, todo dia, meio Kg em folhas de bertalha é um volume considerável. Não se consome tal quantidade, especialmente todo o dia, em condições normais e havendo a presença de outros alimentos.
  Também se alerta gestantes em início de gestação a não comer muita bertalha pois, como é alto o teor de vitamina A, isso pode causar problemas ao feto no início da gravidez.

  Caixa com 24 mudas de bertalha pronta para ser distribuída na Casa de João Pedro.
 Solicite mudas de bertalha ao Professor Padilla pelo whatsapp 51-98520-7954

 Estudo sobre pães de bertalha e ora-pro-nobis*, outra folha comestível: https://www.dropbox.com/s/bzb2qd3s1v0pjdj/Bertalha%20em%20paes%20Anredera%20e%20Pereskia.pdf?dl=0
 UTILIZAÇÃO DE BERTALHA (ANREDERACORDIFOLIA (TEN.) Steenis) E ORA-PRO-NOBIS (PERESKIAACULEATA MILL.) NA ELABORAÇÃO DE PÃES   ISSN 0103-4235ISSN 2179-4448 on line Alim. Nutr.= Braz. J. Food Nutr., Araraquarav. 24, n. 3, p. xx-xx, jul./set. 2013
  Camila Seffrin MARTINEVSKI, Viviani Ruffo de OLIVEIRA, Alessandro de Oliveira RIOS, Simone Hickmann FLORES, Janaína Guimarães VENZKE; Curso de Nutrição, Faculdade de Medicina FAMED Universidade Federal do Rio Grande do Sul UFRGS Centro de Estudos em Alimentação e Nutrição CESAN 90035-003 Porto Alegre; Departamento de Medicina Interna FAMED UFRGS CESAN; Departamento de Ciência dos Alimentos, Instituto de Ciência dos Alimentos ICTA UFRGS ; Departamento de Medicina Social FAMED UFRGS CESAN 
* Ora-pro-nobis (nome científico Pereskia aculeata) do latim "rogai por nós", é uma cactácea, um cacto trepadeira com folhas. Tem espinhos e pode ser usada em cercas-vivas, se desenvolvendo bem tanto à sombra como ao sol.:  reino Plantae, divisão Magnoliophyta, classe Magnoliopsida, ordem Caryophyllales, família Cactaceae, género Pereskia, espécie P. aculeata, nome binomial Pereskia aculeata,
  Originária do continente americano, encontram-se variedades nativas dessa hortaliça perene, rústica e resistente à seca na Flórida, nos Estados Unidos e na região sudeste do Brasil.
  O nome teria sido criado por pessoas colhendo a planta no quintal de um padre, enquanto ele rezava em latim: Ora pro nobis. Sendo conhecido também como lobrobô ou lobrobó.
  O nome científico é uma homenagem ao cientista francês Nicolas-Claude Fabri de Peiresc, e o termo aculeata vem do latim e significa espinho, agulha.
 Acredita-se o cultivo em larga escala do ora-pro-nóbis e bertalha representam uma revolução nos recursos alimentícios da humanidade devido a seu fácil cultivo em qualquer residência, grande produção e alto valor nutricional.
Bertalha cultivada por Maureen Braz com nossas mudas


     Alimentação funcional e saúde nutricional! 

  Saiba o que os controladores globalistas escondem para nos impedir de ter SAÚDE e capacidade cognitiva plenas aqui: https://docs.google.com/document/d/1zFbv4sF832iw6GzV26LX9n6rRfoqz9o-1f1bOp0MmeM/pub

Ou neste quadro: 







Como nos libertarmos disso?
A nossa percepção do mundo é muito diferente da realidade.
Somos manipulados através de paradoxos e falsas crenças.
A boa notícia: podemos despertar das falsas crenças,
romper o holograma,      libertarmo-nos construindo
1MMM,     um Mundo Muito Melhor!
Para começar a acordar e a vencer, assista ao filme
Quem Somos Nós?
Um dos trechos mais importantes é este: https://youtu.be/lafj4SqVrqM?t=8m32s

Assista ao filme completo aqui: https://youtu.be/lafj4SqVrqM
  Para entender onde estamos, em meio a uma dissimulada 5GW, Guerra de  5º Geração, veja neste resumo: http://bit.ly/5guerra 

Descubra o que não querem que saibas: na Rede de Conscientização:
Como a HEM, a hipnose em massa: http://bit.ly/hipnose-massa 





Acultura superficialidade medo

A acultura do medo programada e as mazelas da acultura da superficialidade

A acultura da superficialidade explica a encenação jurisdicional e o paradoxo da impressionante quantidade de novos profissionais do direito escreverem tão mal.


    Professor Padilla, Luiz Roberto Nuñes, Faculdade de Direito da UFRGS

  A acultura da superficialidade é uma das mais consistentes explicações, talvez a única a fazer sentido, para o paradoxo de uma quantidade impressionante de novos profissionais do direito escreverem tão mal.
  A linguagem é o instrumento de trabalho jurídico como frisamos há lustros, desde o início dos anos noventa, quando criamos a atualização através do Ipsis Litteris publicado mensalmente na OAB-RS (1990-92).
A acultura do medo programada e as mazelas da acultura da superficialidade
 Causa espécie colarem grau em Direito sem um mínimo domínio da principal ferramenta dessa ciência: http://www.padilla.adv.br/teses/normas/linguagem/
 A acultura da superficialidade também explica as mazelas forenses. Quem está obcecado pela celeridade evita, por qualquer meio, o exame do caso concreto porque trabalhoso e demorado: no tempo necessário para examinar um caso a fim de decidir o mérito, é possível prolatar uma centena de decisões formais editando modelos de indeferimento ou extinção sem, na verdade, ter examinado caso algum: http://bit.ly/mazelas
 Por isso, a maioria dos processos de reparação de danos é arquivado ou indeferido por qualquer pretexto. Nas raras procedências, os valores são pífios e incapazes de reparar. Conforme expressão criada por nós anos noventa, acontece uma encenação jurisdicional. As falsas crenças semeadas por todos os meios impregnaram o inconsciente dos operadores jurisdicionais resultando em uma inversão dos valores. Hoje, no meio forense, a paz social é desconsiderada e não há preocupação em solucionar correta e justamente cada demanda. A maioria dos operadores quer apenas produzir estatísticas e acha "normal" julgar sem examinar e muito menos sem ter qualquer compromisso com a reparação dos danos:  http://www.padilla.adv.br/processo/morosidade/
 A injustiça das decisões judiciais incentiva os maus comportamentos e se torna lucrativo agir ilicitamente. O direito do consumidor só existe na teoria. Na prática, as grandes empresas aumentam seus lucros lesando os consumidores. Por exemplo, desde 2015, as operadoras de celular passaram a inserir cobranças indevidas em quase todas as contas da maioria dos usuários e venderam centenas de vezes mais serviços do que podem prestar com qualidade mínima. Os lobistas regiamente pagos tratam de conseguir o arquivamento das ações eventualmente ajuizadas pelos que ainda teimam em buscar Justiça. No direito civil, os causadores de danos não os reparam. Como consequência, aumentam os litígios e cresce a insatisfação. Casa vez mais abalada a paz social, amplia-se a quantidade de demandas.
Por isso, nem chamou tanta atenção o fato de, em 2003, o Código do Consumidor ser revogado com relação aos espetáculos desportivos profissionais: http://www.padilla.adv.br/desportivo/torcedor.pdf
Com o novo CPC 2015 outorgando maior liberdade de forma ao juízes (na prática, leia-se, aos estagiários) a tendência é agravar-se o problema: http://padilla-luiz.blogspot.com.br/2016/06/novo-cpc-mais-um-engodo-duplo-do-foro.html
Há mais de duas décadas, quando alguns tentaram alertar que isso estava sendo preparado, os controladores promoveram o assassinato de reputação mediante intenso assédio moral e bullying. Saiba mais em http://bit.ly/mazelas







A acultura da superficialidade e do medo 
fazem parte de um contexto maior, 
a dissimulada 5GW,  
a Guerra de  5º Geração.
Saiba tudo o que os globalistas fazem 
força para esconder de todos nós 
a partir do resumo em: http://bit.ly/5guerra  




Atenciosamente
Amizade é como as estrelas: brilha durante milhões de anos. O interesse, é como um cometa, tão rapidamente quanto chega brilhando, afasta-se deixando um vazio...
UFRGS melhor Universidade Federal do Brasil Av. João Pessoa 80 CEP 90040-000 Porto Alegre RS
Pioneirismo em Direito Desportivo celebrado no UFRGS Portas Abertas superlota Salão Nobre da Faculdade de Direito http://bit.ly/Ufrgs
NIETE Núcleo Interdisciplinar de Estudos Transdisciplinares
Coordenação do Fórum dos Naus
Conselho ADufrgs-Sindical
Comissão Direito Desportivo OAB
TJDU Tribunal de Justiça Desportiva Universitária
STJD CBMTT
Procurador de Justiça Desportiva TJDK
Comendador Conselho Estadual de Honrarias e Mérito São Paulo
Lifetime Achievement Award Budo-Ryu International Holanda
Shiham 6º dan Goju-ryu Taniguchi-ha
Presidente SINDIPLAM-RS
https://twitter.com/Prof_PADilla 

Caos globalismo Artes Marciais


 As Artes Marciais e Lutas não são regulamentadas porque os globalistas querem o caos!


 A regulamentação das artes marciais vem sendo obstaculizada há várias décadas.


 Houve dezenas de projetos e nenhum foi a lugar algum. Saiba mais aqui http://bit.ly/karate-regulamentar
A regulamentação das artes marciais e lutas e os 29 registros na Câmara dos Deputados: https://docs.google.com/document/d/e/2PACX-1vQOXj0-mjDN2UqxqxYhBB9FrHdE83V9Kc7XQcPSvJiPgNxpX6P2d6ydG3Anu4e6pWrOxFlyP5RFMTMK/pub

 

Perguntar-se-ia, porque pertinente: o que, além de caos, motiva um (des)governo a omitir providências singelas como promulgar direito internacional contratado ou regulamentar profissões? 
O caos é uma das estratégias da HEM, a hipnose em massa. As estruturas governamentais são usadas para nos envolver em um cipoal de paradoxos e fomentar o medo.
 A tecnologia atual é capaz de assegurar conforto e segurança para toda a população mundial. Porque continua havendo miséria e sofrimento? Isso se deve ao empenho dos controladores globalistas cuja entourage impede erradicarmos a pobreza de espírito porque dela depende a escravização dissimulada no falso-humanismo!  http://padilla-luiz.blogspot.com.br/2016/06/6a-onda-tecnologica-da-imaginacao-1-mmm.html
 A 5GW, a Guerra de 5ª Geração, é uma guerra de desinformação contra a tua saúde.  Como construir 1MMM, um Mundo Muito Melhor? Proteja-se e aos seus entes queridos da ignorância alimentar e da nutrição disfuncional.  Saiba tudo que não querem que você descubra aqui: http://bit.ly/saude-cuidados  


Provas do caos programado (1) SALVAGE-89:

Exemplo de caos programado é a Convenção Internacional sobre Salvamento Marítimo SALVAGE-89. Esse documento importante para a paz e segurança no mar foi firmado em Londres no dia 28 de abril de 1989.
 Demoras, no Congresso Nacional, são inaceitáveis, contudo, compreensíveis devido à multiplicidade de parlamentares. O Congresso levou uma década para aprovar a Convenção no Decreto Legislativo nº 263, em 10 de junho de 2009.
Desde 29 de julho de 2009, a Convenção obrigava a República Federativa do Brasil no plano jurídico externo nos termos de seu Artigo 29.
Contudo, a Presidência da República omitiu-se, durante toda a década seguinte, de promulgar a norma como direito interno, só suprida em 18 de julho de 2016: https://docs.google.com/document/d/1LFCGZJU6tg4iDBzElGnokQWksWfrodXnxRWqzy6vsFY/pub

Provas do caos programado (2) recusando disciplinar profissão de árbitro de futebol:

 O (des)governo sistematicamente vetou, nas leis aprovadas pelo Congresso, os dispositivos regulamentadores das profissões. Confira, com respeito aos árbitros de futebol e ao esporte profissional, a “lei ônibus” misturando temas: http://padilla-luiz.blogspot.com.br/2013/10/esporte-legislam-sem-responsabilidade.html

Provas do caos programado (3) recusando disciplinar profissão de sommelier:

  A tua tia, aquela que odeia bebidas alcóolicas, assim como todos os religiosos contrários ao consumo de álcool, são especialistas em vinhos, sommelier. 
Aliás, todos e qualquer um o somos!
 A Lei nº 12.467, de 26.8.2011, (des)regulamenta
 a profissão pois o seu artigo que disciplinaria o acesso a essa profissão foi vetado, da mesma forma como ocorreu com outras leis editadas criando confusão em cada uma das profissões que conseguiram passar suas leis pelo Congresso Nacional.
 Com teratologias o (des)governo trama a teia de paradoxos aprisionando-nos na escravidão dissimulada!
O mais importante dispositivo da nova lei, que exigiria habilitação e experiência, teve sua redação vetada:
Art. 2º  Somente podem exercer a profissão de Sommelier os portadores de certificado de habilitação em cursos ministrados por instituições oficiais públicas ou privadas, nacionais ou estrangeiras, ou aqueles que, à data de promulgação desta Lei, estejam exercendo efetivamente a profissão há mais de 3 (três) anos FOI VETADO!

 A desculpa do veto é a de não haver interesse público a proteger!
 
 Trata-se de mais uma violação ao Direito do Consumidor, o qual ficará desprotegido, sem qualquer garantia de lidar com profissional na área. 

 A respeito do tema, o "Consumidor RS" publicou, dia 28.8.2011, uma síntese da prática imposta pelos controladores globalistas acabando com a eficácia do direito do consumidor:

“A encenação jurisdicional acabou com o Direito do Consumidor?”
http://www.consumidorrs.com.br/rs2/inicial.php?imgm=c&case=2&idnot=17770


Um subsistema de Direito do Consumidor foi criado há duas décadas.

Contudo, o cidadão está desprotegido e sofre os efeitos do poder econômico, da manipulação, e das práticas abusivas das corporações.

Estas, interessadas em inviabilizar a efetividade dos novos direitos, criaram uma espécie de décifit de atenção coletiva, através da disseminação de falsas crenças, e da inversão de valores.

Acreditando ser mais bonito mostrar estatísticas e rapidez, os operadores jurisdicionais implantaram uma acultura de improcedência.

Conjugada a indenizações pífias (para não terem que examinar o caso concreto) e honorários aviltantes (acreditando que isso desestimulará o ajuizamento), propiciam que, no Brasil, às empresas alcancem lucros fabulosos. http://www.consumidorrs.com.br/rs2/inicial.php?imgm=c&case=2&idnot=17770



Dispõe sobre a regulamentação do exercício da profissão de Sommelier
A PRESIDENTA DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei:
Art. 1o  Considera-se sommelier, para efeitos desta Lei, aquele que executa o serviço especializado de vinhos em empresas de eventos gastronômicos, hotelaria, restaurantes, supermercados e enotecas e em comissariaria de companhias aéreas e marítimas. 
Parágrafo único.  (VETADO). 
Art. 2o  (VETADO). 
Art. 3o  São atividades específicas do sommelier: 
I - participar no planejamento e na organização do serviço de vinhos nos estabelecimentos referidos no art. 1o desta Lei; 
II - assegurar a gestão do aprovisionamento e armazenagem dos produtos relacionados ao serviço de vinhos; 
III - preparar e executar o serviço de vinhos; 
IV - atender e resolver reclamações de clientes, aconselhando e informando sobre as características do produto; 
V - ensinar em cursos básicos e avançados de profissionais sommelier. 
Art. 4o  Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação. 
Brasília, 26 de agosto de 2011; 190o da Independência e 123o da República. 
DILMA ROUSSEFF
José Eduardo Cardozo
Fernando Haddad
Luís Inácio Lucena Adams       Publicado no DOU de 29.8.2011 http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2011-2014/2011/Lei/L12467.htm
Ouvidos, os Ministérios da Justiça, da Educação e a Advocacia-Geral da União manifestaram-se pelo veto aos seguintes dispositivos: 
Parágrafo único do art. 1o 
Parágrafo único.  É opcional aos estabelecimentos referidos no caput deste artigo a oferta da atividade exercida pelo provador de vinho ou degustador.” 
Art. 2o 
Art. 2o  Somente podem exercer a profissão de Sommelier os portadores de certificado de habilitação em cursos ministrados por instituições oficiais públicas ou privadas, nacionais ou estrangeiras, ou aqueles que, à data de promulgação desta Lei, estejam exercendo efetivamente a profissão há mais de 3 (três) anos.” 

Razões dos vetos 

“A Constituição Federal, em seu art. 5o, inciso XIII, assegura o livre exercício de qualquer trabalho, ofício ou profissão, cabendo a imposição de restrições apenas quando houver a possibilidade de ocorrer algum dano à sociedade com a necessidade de proteção ao interesse público. Ademais, a redação conferida pelo parágrafo único do art. 1o poderia sugerir a obrigatoriedade da contratação de Sommelier pelos estabelecimentos citados no caput, violando o princípio da livre iniciativa.” 
Publicado no DOU de 15.8.2011

 A estratégia de editar legislação obviamente criadora de confusão é usada desde quando, ao eleger e, depois, afastar Collor (posteriormente trazido de volta ao cenário político),  os controladores globalistas manipulam a opinião publica:  http://bit.ly/idolatria-politica  http://www.padilla.adv.br/etica/idolatria/
 O objetivo é, através de leis, semear confusão, entorpecer as pessoas, para tolerarem o inaceitável:
 O paradoxo de lei "regular" sem disciplina alguma anestesia a vontade:    Paralisa a capacidade de reação, deixa a pessoa susceptível de aceitar falsas crenças, e inversão de valores...
 Exatamente o que os controladores globalistas querem:
 No Sistema Desportivo, por exemplo, pelo art. 2º da Lei 10.671, de 15 de maio de 2003:
Art. 2º Torcedor é toda pessoa que aprecie, apóie ou se associe a qualquer entidade de prática desportiva do País e acompanhe a prática de determinada modalidade esportiva.
Parágrafo único. Salvo prova em contrário, presumem-se a apreciação, o apoio ou o acompanhamento de que trata o caput deste artigo.
 Aquela sua tia, a que odeia futebol, e até mesmo um astronauta, em órbita, são abrangidos por tal conceito deliberadamente indefinido de “torcedor”.
 O paradoxo provocado por regras criadas com a finalidade de confundir serve ao interesse dos politicorruptos que, há duas décadas, ao invés de promoverem o esporte, tentam tributar os valores movimentados pelo sistema desportivo, através de sucessivas legislações que, a pretexto de regular, criam e aumentam confusões:

 

        Quem nada entende de vinhos (e de coisa alguma) agora poderá se apresentar como Sommelier!

Generalização e paradoxo, sórdidas estratégias da acultura da superficialidade egocêntrica para terceirizar o pensamento:


Provas do caos programado (3) Engodos por decreto:

 

 No Ordem e Progresso VI http://youtu.be/vgFfv5rtxjk expõe-se engodos do (des)governo via decreto (falso-humanistas, patriotas "de fachada")

   Além o (des)governo querer o caos passando longe de organizar coisa alguma, há um motivo adicional para as artes marciais não serem regulamentadas:

Sua prática são uma vacina contra a HEM, a hipnose em massa do globalismo:

 

As artes marciais capacitam a vencer o medo e desenvolvem a capacidade de percepção e o cuidado com a saúde vacinando o praticante contra a manipulação:
 O medo é chamado de “a pequena morte” porque, quando somos dominados pelo medo, nossa capacidade cognitiva caiu. Nosso cérebro, na verdade, possui vários processadores e, quando sentimos medo, a energia é canalizada pela o cérebro mais primitivo, chamado de cérebro réptil, e - por falta de energia no cérebro moderno, chamado de neocórtex, a nossa capacidade cognitiva se reduz.
 Ora, considerando ser,  a inteligência, a ferramenta da raça humana para lidar e resolver os problemas, obviamente que, quando falta energia no neocórtex, o ser humano fica bastante indefeso. Facilmente é anulado, vencido ou manipulado. Por isso é que os controladores  globalistas promovem a acultura do medo - http://bit.ly/aculturadasuperficialidade -  porque ela induz a população viver em um estado de torpor pré-pânico!
  Como se resolve isso?
 Praticando atividades as quais desenvolvem a capacidade de lidarmos e vencer o medo. Artes Marciais, assim compreendidas também as práticas de tiro, arco e flecha, etc., são as melhores opções para aprendermos a lidar com o medo e o vencer.
 O belo filme Piper, com apenas 5 minutos (os quais demandaram 3 anos para picturizar), merecido Oscar de melhor filme de animação, demonstra o quanto a vida pode ser melhorada quando dominamos o medo.  Assista-o aqui: https://vimeo.com/215828022
  As artes marciais desenvolvem personalidade ativa e perceptiva, focada na evolução, cuidados com a própria saúde e imunização ao estado de torpor pré-pânico da acultura do medo e da superficialidade http://bit.ly/aculturadasuperficialidade através da qual os 2% mutantes http://bit.ly/desumanos promovem a escravidão dissimulada em impostos extorsivos, consumismo desenfreado, desinformação, falsas crenças e inversão de valores: http://bit.ly/escravizacao
Para quem, como nós, desde os anos 80, trabalhamos o desenvolvimento das regras para dinamizar - com beleza plástica e emoção - como um dos mais justos e equilibrados esportes e, disparado, o mais seguro de luta, é o sinal para prosseguirmos formando bons instrutores. Chegou a hora de libertar a humanidade do holograma idiotizante! http://bit.ly/karate-olimpico  
 Como e os globalistas esconderam o caráter pedagógico das Artes Marciais promovendo sua infâmia e tentando, de todas as formas, reduzir a prática: http://bit.ly/sindiplam


 Para entender a HEM, hipnose em massa, aqui: http://bit.ly/hipnose-massa  

Para saber sobre a 5GW, Guerra de  5º Geração, aqui: http://bit.ly/5-guerra  
 O Globalismo pilota a forma do CREF atuar, dividindo os professores, prejudicando o ensino e travando a organização das artes marciais e lutas.
 

 CREF divide os professores como registra o CEV EF Escolar, Comunidade Educação Física Escolar https://padilla-luiz.blogspot.com/2013/12/cref-prejudica-sistema-de-ensino.html
  A divisão, obviamente, fragiliza a categoria.
  Isso, por sua vez, facilita o desmanche do Sistema de Ensino.
  Considerando o plano globalista de idiotizar a população envolver o desmanche do ensino...
  É certo que os controladores tem interesse na forma de atuação do CREF. A dúvida é se os globalistas permitiram a regulamentação da profissão de educação física porque podiam prever que pilotariam a essa forma de atuação? Ou foram os globalistas quem, desde o início, armaram esse formato desagregador?
 Saiba mais sobre o plano de desmanchar a educação aqui:
Teoria da Dependência Econômico-Cultural e o desmanche do ensino https://t.co/WnvCOV0hTq



Os psicoPaTas são especialistas em manipular as comunicações, 

Desmancharam a economia:

Para escapar da armadilha, 1º precisamos saber que ela existe!



Publicado no GLOBO
Crise? Governo vai comprar utensílios de prata para refeições da presidente
Em pregão previsto para o próximo dia 15, Planalto estima gastar R$ 215.615,59
POR WASHINGTON LUIZ
12/09/2015 8:19 / ATUALIZADO 12/09/2015 8:42BRASÍLIA — Apesar de defender o corte de gastos para recuperar a economia, o governo não pretende poupar na compra de material para os jantares da presidente Dilma Rousseff no Palácio do Planalto, no Palácio da Alvorada e para a Granja do Torto. Em pregão previsto para ser realizado no próximo dia 15, o governo estima gastar R$ 215.615,59 com rechauds (utensílios utilizados para manter os alimentos quentes), colheres, espátulas e outros materiais para serem usados nas refeições da presidente.
O edital exige que a maioria dos utensílios seja de prata para manter a padronização, e traz imagens dos modelos que a presidência quer adquirir. Só com os rechauds, o governo deve desembolsar R$ 62,6 mil. São 30 unidades que variam entre R$ 300 e R$ 5,8 mil, conforme as especificações. Ainda serão compradas dez colheres, ao preço unitário de R$ 303,33, e cinco espátulas de prata, que vão custar R$ 1.166,67 cada uma.
VEJA TAMBÉM
Outro gasto previsto é com dez apoios para colher em prata, aa custo de R$ 796,70 cada. Para ornar os ambientes dos palácios, R$ 11 mil serão gastos na compra de dez cachepots em prata (recipientes usados para colocar os vasos de planta).
Não é a primeira vez este ano que o governo adquire produtos requintados para a Presidência da República. Em abril, foi autorizada a compra de dez baldes de gelo térmico, no valor total de R$ 9 mil. Os baldes também são de prata, e de "design elegante, com alça, durável e práticos", segundo descrição disponível no Portal da Transparência. A Secretaria-Geral da Presidência, responsável pela compra, ainda não justificou os motivos da aquisição.



Como os desumanos dominaram até agora?

 O que fazer para a Humanidade retomar o controle planetário? 


  A luta humana contra a desinformação psicopata:

 A Hipnose em Massa:



 A origem de todo o mal:



As mentiras para entorpecer: 




Outros tópicos da teia de paradoxos
e do combate à desinformação:




Para acessar todos os arquivos na Rede de Conscientização: https://drive.google.com/folderview?id=0B2CNDxRTI8HAcVl3cFc0M09hZ3M&usp=sharing